• CONTENT
Segurança
Artagão Júnior comemora alteração na lei que permite avanços na carreira de praças da PM

05/07/2018 15:13:00

Nesta quinta-feira (5), foi sancionada a lei que cria condições de avanço na carreira de cabos e soldados (praças) da Polícia Militar do Paraná. Na solenidade, com a presença de comandantes da corporação, também foi anunciada a promoção, já em agosto, de 1.400 cabos e soldados e confirmados R$ 840 mil para garantir esses avanços.

O deputado Artagão Júnior, que votou a favor da lei proposta pelo Executivo, na última segunda (2), comemorou a sanção. “É um dia histórico para a corporação. É uma demanda antiga da Polícia Militar e que agora, com a sensibilidade da governadora Cida Borghetti, se torna realidade”, exaltou o deputado.

A governadora  destacou que a medida fará com que os policiais exerçam suas funções com ainda mais vontade. “Essa lei traz inúmeros benefícios e possibilidades de ascensão na carreira de soldados e cabos, criando estímulos para que permaneçam mais tempo no serviço ativo”, afirmou ela.

AUTOMÁTICO - Agora, com o curso de formação os soldados, as praças podem chegar a terceiro sargentos sem necessidade de outros cursos, colocando-os em promoção automática, desde que preencham todos os requisitos.

“Isso é importante porque preenche um vácuo na carreira dos profissionais”, afirmou a comandante-geral da Polícia Militar, coronel Audilene Rosa de Paula Dias Rocha. “A nova lei facilita a vida dos policiais, pois eles podem projetar suas carreiras. Isso é uma grande valorização e os motiva a permanecerem mais tempo na corporação. É uma grande conquista”, afirmou a comandante.

Atualmente há 11 mil soldados que entrarão em quadro de carreira. No total, existem 13 mil profissionais com possibilidade de serem promovidos, desde que preencham todos os requisitos.

HISTÓRICO - Para o cabo Carlos Souza, que representa o grupo 'Praças Unidos', a aprovação da lei é o maior ato histórico da corporação. “O Paraná era o único estado que não oferecia plano de carreira ao soldado. Agora estamos nos sentindo valorizados e motivados para fazer um trabalho ainda melhor em prol da segurança dos paranaenses”, disse ele.

MUDANÇAS - Uma das mudanças prevê que os soldados e cabos da PM poderão ser promovidos observando o princípio de antiguidade (quem ingressou primeiro) e de merecimento (conforme critérios previstos em lei), o que já acontece com as demais praças (3º, 2º e 1º sargentos e subtenentes). Havendo promoções na forma de carreira, desde o ingresso, a PM extinguirá concursos internos para cabo e 3o. Sargento, que serão substituídos pelo Curso de Formação de Praças (CFP).

“Isto quer dizer que, para ingressar na corporação, o militar estadual frequenta este curso e depois será promovido por antiguidade e merecimento, sem precisar fazer um novo concurso interno para alcançar as graduações de cabo e 3º sargento”, explica a coronel Audilene. Ela acrescenta que também será instituído o Curso de Sargentos para a promoção a 2º Sargento. “O policial que é 3º sargento pode ascender de posto a partir da conclusão deste curso, que aperfeiçoará os conhecimentos profissionais dos graduados”.

Com informações da Agência Estadual de Notícias

  • img
  • img

Twitter

  • Parabéns IRATI pelos seus 111 anos! Sempre um privilégio poder estar aqui! Jorge Derbli Ciro Ivatiuk Nilton Cesar Pabis
  • É um dia histórico para a Polícia Militar do Paraná Parabéns governadora Cida Borghetti pela sensibilidade e agilid… https://t.co/scpBvtJOSz

Últimas Notícias

Mais sobre Segurança